domingo, 22 de janeiro de 2012

Os Macabeus e o reino Asmoneu




A Revolta dos Macabeus

Durante muitos anos, os judeus foram governados por sumo-sacerdotes, que pagavam tributo aos sucessivos reis selêucidas, até que, cerca de 170 AEC, o rei selêucida Antíoco IV Epifânio tentou forçar os judeus a uma conformidade com a cultura e hábitos gregos, convertendo o Templo de Jerusalém para o culto dos deuses gregos.

Isto originou uma revolta dos judeus, iniciada por um sacerdote chamado Matatias, da família dos Asmoneus (ou filho de Asmónio), cujos filhos ficaram conhecidos pelo nome Macabeus (heb. makabim, martelo). A revolta foi bem sucedida e trouxe a independência dos judeus durante cerca de cem anos num território de dimensões semelhantes ao território do alegado reino de David. A dinastia real fundada ficou conhecida como a dinastia dos Asmoneus, onde os reis acumulavam o cargo de sumo-sacerdote.

Os judeus têm, ainda hoje, uma celebração anual, designada por Hanukkah, em comemoração da vitória dos judeus sobre Antíoco, da restauração da independência e da re-dedicação do Templo para o culto de Yahveh em 165 AEC. No Novo Testamento, encontramos uma referência a esta festividade em João 10:22.

Datas
Rei/Líder
Descrição
167 a 160 AEC
Judas Macabeu
Líder dos Macabeus, filho de Matatias
161 a 143 AEC
Jónatas Macabeu
Líder dos Macabeus e sumo-sacerdote, filho de Matatias
142 a 135 AEC
Simão Macabeu
Príncipe dos judeus e sumo-sacerdote, filho de Matatias
134 a 104 AEC
João Hircano
Rei e sumo-sacerdote, filho de Simão Macabeu
104 a 103 AEC
Aristóbulo I
Rei e sumo-sacerdote, filho de João Hircano
103 a 76 AEC
Alexandre Janeu
Rei e sumo-sacerdote, filho de João Hircano
76 a 67 AEC
Salomé Alexandra
Rainha, mulher de Alexandre Janeu; o sumo-sacerdote era o seu filho Hircano II
67 a 63 AEC
Hircano II e Aristóbolo II
Filhos de Alexandre Janeu. Conflitos entre estes ditaram o fim da dinastia.




O Reino Asmoneu

Enquanto os Macabeus ficaram na memória colectiva dos judeus, como restauradores da independência, os seus sucessores Asmoneus foram olhados com desconfiança por apresentarem-se com nomes gregos e, principalmente, por terem usurpado a realeza que deveria ser reservada aos herdeiros da Casa de David (cujo último herdeiro conhecido foi Zorobabel, no tempo da conquista persa).

Durante os vários reinados Asmoneus, distinguiram-se duas facções políticas: os saduceus e os fariseus. Os saduceus eram apoiantes dos Asmoneus enquanto os fariseus, grupo ao qual pertenciam os Rabis, eram ferozes oponentes. Os saduceus eram ultra-ortodoxos que obrigavam a uma interpretação rígida do Torah enquanto os fariseus exigiam uma reforma, de modo a modernizar a aplicação da Lei.


O Massacre dos Fariseus

O rei João Hircano perseguiu os fariseus, matando muitos Rabis. Mais tarde, muito depois dos Asmoneus, os Rabis começaram a compor o Talmude onde, ao longo de muitas décadas, foram registadas as novas interpretações e aplicações da Lei.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...