terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Actos dos Apóstolos - Anti-semitismo




O conteúdo anti-judaico, que nos evangelhos começou por aparecer um pouco timidamente, cresce em Actos dos Apóstolos, como se pode ver nas seguintes passagens:

-          Pedro culpa os judeus pela morte de Jesus:
Actos 3:14-15 Mas vós negastes o Santo e Justo, e pedistes que se vos desse um homicida; e matastes o Autor da vida, a quem Deus ressuscitou dentre os mortos, do que nós somos testemunhas. 
Actos 5:30 O Deus de nossos pais ressuscitou a Jesus, ao qual vós matastes, suspendendo-o no madeiro
Actos 10:39 Nós somos testemunhas de tudo quanto fez, tanto na terra dos judeus como em Jerusalém; ao qual mataram, pendurando-o num madeiro.


-          Estêvão culpa os judeus de, ao longo da sua história, terem morto os profetas e também de traírem e matarem Jesus:
Actos 7:51-52 Homens de dura cerviz, e incircuncisos de coração e ouvido, vós sempre resistis ao Espírito Santo; como o fizeram os vossos pais, assim também vós. A qual dos profetas não perseguiram vossos pais? Até mataram os que dantes anunciaram a vinda do Justo, do qual vós agora vos tornastes traidores e homicidas


-          Por causa do comportamento dos judeus de Corinto, Paulo desiste dos judeus e passa apenas a lidar com gentios (não-judeus):
Actos 18:6 Como estes, porém, se opusessem e proferissem injúrias, sacudiu ele as vestes e disse-lhes: O vosso sangue seja sobre a vossa cabeça; eu estou limpo, e desde agora vou para os gentios.


Analisemos estas passagens com atenção:

   1. Quem matou Jesus foram todos os judeus
De acordo com as palavras de Pedro, foram os judeus que mataram Jesus; por isso não foi crucificado mas sim pendurado numa árvore (gr. “kremasantes epi xylou”); isto porque quem crucificava eram os romanos! 
A pena de morte, quando aplicada pelos judeus, consistia em apedrejamento. Nos casos considerados mais graves o condenado era pendurado, depois de morto, para servir de exemplo ao resto da população. 
Os evangelhos contam que Jesus foi morto por crucificação (gr. stauros) e que quem lhe aplicou a pena de morte foram os romanos, mas, em Actos, Pedro diz que os judeus penduraram-no numa árvore!


   2. Quem traíu Jesus foram todos os judeus
De acordo com as palavras de Estêvão, não foi Judas que individualmente traíu Jesus, mas sim todos os judeus traíram Jesus
Isto leva a concluir que, nos evangelhos, Judas foi introduzido não como um indivíduo mas como uma representação alegórica de todo o povo judeu.


   3. O mundo divide-se entre judeus e não-judeus
Continuamos, portanto, a verificar que o Novo Testamento, em muitas passagens, divide o mundo entre judeus e não-judeus (os gentios). O episódio de Paulo em Corinto, narrado em Actos, é ilustrativo dessa tendência.
Os não-judeus são geralmente retratados de modo muito mais favorável.


2 comentários:

  1. Acho que há fundamento suficiente para ver Judas como sinédoque de judeus, mas isso não exclui a sua existência individual.
    Estou habituado a ver madeiro como uma verão de cruz e não como árvore.

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    em grego, o que foi traduzido para "pendurado num madeiro", foi a expressão "kremasantes epi xylou" (κρεμάσαντες ἐπὶ ξύλου):
    (Actos 5 http://interlinear.biblos.com/acts/5.htm)
    (Actos 10 http://interlinear.biblos.com/acts/10.htm)

    As seguintes traduções em inglês traduzem a expressão "kremasantes epi xylou" (κρεμάσαντες ἐπὶ ξύλου) de Actos 5:30 e Actos 10:39 por "pendurado numa árvore".
    Isto é: traduzem por "hanging on a tree" ou "hanging on a dead tree"

    King James Version
    New King James Version
    21st Century King James Version
    American Standard Version
    Amplified Bible
    Common English Bible
    Douay-Rheims 1899 American Edition
    English Standard Version
    English Standard Version Anglicised
    1599 Geneva Bible
    Holman Christian Standard Bible
    Lexham English Bible
    Mounce Reverse-Interlinear New Testament
    New English Translation
    New International Version 1984
    New Revised Standard Version
    New Revised Standard Version, Anglicised
    New Revised Standard Version, Anglicised Catholic Edition
    New Revised Standard Version Catholic Edition
    Revised Standard Version
    Revised Standard Version Catholic Edition
    Worldwide English (New Testament) - a única que diz "hanging on a dead tree"
    Wycliffe Bible

    Pode-se conferir aqui:
    http://www.biblegateway.com/passage/?search=Acts%205:30;10:39&version=KJ21


    Quanto à questão de Judas. O seu papel de traidor na narrativa dos evangelhos é irrelevante quando comparado com o discurso anti-judaico em que colectivamente os judeus são responsabilizados pela morte do Filho de Deus.

    Na narrativa dos evangelhos, Judas é perfeitamente dispensável porque Jesus poderia ter sido detido em muitas ocasiões (a melhor ocasião teria sido nos distúrbios com os comerciantes do Templo, por exemplo). Judas é convidado a entregar Jesus pelo próprio. Nos evangelhos, Judas é um instrumento da missão de Jesus.

    Em Actos, os judeus são colectivamente retratados como traidores. Mas, aqui, parece que os judeus traíram Jesus por escolha própria. Não foram convidados a tal.


    Obrigado e abraço!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...